Ultimas atualizações
  • Teste 1: Teste

  • CUSTOMIZAÇÃO DE MOTOS HD

  • PRODUTOS PARA HARLEY-DAVIDSON

  • TOMBO NA LAMA NO PR

  • RJ: SALÃO MOTO BRASIL

  • DIAVEL BLACK

  • ESPANHOL DE MOTOVELOCIDADE

  • BRASILEIRO DE MOTOCROSS

  • RECALL NA HONDA CRF 450 R

  • Post por // abril 7, 2014

    O app é gratuito para download e está disponível para os usuários das plataformas Android e iOS, sendo indicado para quem pretende comprar um veículo usado e precisa verificar eventuais pendências na documentação.
    DetranO Detran.SP (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo) lança novo aplicativo para consulta de débitos e restrições de veículo em tablets e smartphones. O aplicativo é gratuito para download e está disponível para os usuários das plataformas Android e iOS, sendo indicado para quem pretende comprar um veículo usado e precisa verificar eventuais pendências na documentação.
    Segundo o Detran.SP, a consulta de débitos e restrições de veículo foi o serviço eletrônico mais utilizado no site da instituição em 2013, com mais de 17,5 milhões de acessos. Mesmo com o lançamento do novo aplicativo esse serviço continua disponível no endereço detran.sp.gov.br no canal “Serviços Eletrônicos”.
    O aplicativo foi desenvolvido pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo) e funciona de maneira simples: o login é feito com o CPF e a mesma senha cadastrada pelo usuário no portal do Detran.SP. Atualmente mais de 7,4 milhões de usuários estão cadastrados no sistema.
    O site do Detran.SP oferece 21 serviços de trânsito relacionados à CNH (como 2ª via e carteira definitiva), veículos (comunicação de venda e pesquisa de débitos e restrições) e infrações (consulta de multas e solicitação de recurso), entre outras solicitações.
    Em 2013, cerca de 230 mil documentos foram solicitados online, sem que o cidadão precisasse de atendimento presencial. “Nosso grande desafio é estimular a população a usar cada vez mais os serviços eletrônicos”, avalia diretor-presidente do Detran.SP, Daniel Annenberg.

    © Todos os direitos reservados - 2018