Ultimas atualizações
  • Teste 1: Teste

  • CUSTOMIZAÇÃO DE MOTOS HD

  • PRODUTOS PARA HARLEY-DAVIDSON

  • TOMBO NA LAMA NO PR

  • RJ: SALÃO MOTO BRASIL

  • DIAVEL BLACK

  • ESPANHOL DE MOTOVELOCIDADE

  • BRASILEIRO DE MOTOCROSS

  • RECALL NA HONDA CRF 450 R

  • Post por // março 12, 2013

    O domínio da prova foi da equipe Red Bull KTM, que levou o italiano Antonio Cairoli da MX1 e o holandês Jeffrey Herlings da MX2 ao lugar mais alto do pódio.

    A segunda etapa do Campeonato Mundial de Motocross aconteceu neste fim de semana, 10 de março, em Si Racha, na Tailândia. O domínio da prova foi da equipe Red Bull KTM, que levou o italiano Antonio Cairoli da MX1 e o holandês Jeffrey Herlings da MX2 ao lugar mais alto do pódio.
    Com o resultado Antonio Cairoli assume a liderança da competição a frente do francês de Clement Desalle, vencedor da primeira etapa. Na MX2 o piloto Jeffrey Herlings segue o homem a ser batido e está 100% na competição com duas vitórias.
    A prova contou com o mesmo esquema da primeira, realizada no Qatar. Foram duas baterias, igual ao modelo tradicional, no entanto a última misturou as duas classes, MX1 e MX2, sendo que cada qual somando pontos em sua categoria. O destaque ficou com o holandês Jeffrey Herlings da MX2, que na superfinal conseguiu a 4ª posição ficando atrás apenas dos pilotos Cairoli, Paulin e Desalle, todos atletas da MX1.
    Os resultados ficaram assim:
    MX1
    1)Antonio Cairoli – 1-1
    2) Gautier Paulin – 4-2
    3) Clement Desalle – 3-3
    MX2
    1)Jeffrey Herlings – 1-1 (quarto na Superfinal)
    2) Romain Febvre – 2-2 (11º na Superfinal)
    3) Jose Butron – 4-5 (18º na Superfinal)
    Classificação
    MX1
    1. Antonio Cairoli – 95 pontos
    2. Clement Desalle – 87
    3. Gautier Paulin – 78
    4. Ken de Dycker – 70
    5. Tommy Searle – 64
    MX2
    1. Jeffrey Herlings – 100 pontos
    2. Romain Febvre – 82
    3. Dean Ferris – 69
    4. Christophe Charlier – 65
    5. Glenn Coldenhoff – 63

    © Todos os direitos reservados - 2018